Os criminosos da corporação se abraçam com os criminosos do governo!

Quando você pensa que esgotou toda a sua capacidade de se surpreender e se indignar com os crimes envoltos no manto da democracia, eles, os da governança, se superam e nos aprontam mais uma. Quem achou que o mensalão fosse o maior coelho que essa gente conseguiria tirar da cartola surge o crime da Petrobrás como um rinoceronte gordo e imundo, extraído a fórceps da grande vagina nacional.

Essas pessoas são criminosas. Da pior espécie! Todos!

Já me disseram que isso não é um crime comparável aos dos desmandos do regime militar. E é verdade! Não são mesmo comparáveis! Podemos até analisar os dados disponíveis para demonstrar que não são crimes que se assemelhem: Foi projetado em 400, ou um pouco mais, o número de pessoas diretamente assassinadas pela ditadura militar. O desvio da Petrobras, para ficar apenas no exemplo mais atual, é noticiado como um rombo de 10 bilhões de reais. O custo do tratamento de um paciente hospitalizado por um mal tratável, mas que morreria sem os recursos adequados, é de 25 mil reais. Vamos então recorrer à matemática elementar: os 10 bilhões desviados divididos pelos 25 mil necessários para salvar uma vida dão como resultado 400 mil – quatrocentas mil pessoas assassinadas! Um crime mil vezes maior do que o cometido durante o regime militar. Isso é um genocídio! E existem pessoas que acham isso tolerável!

Essas pessoas são criminosas. Da pior espécie! Todos! Os empreiteiros, os diretores das estatais, os políticos que nomearam e mantiveram os corruptos por anos a fio em seus cargos de quadrilheiros impunes e aqueles que dizem que não sabem de nada, quando qualquer criança sabe que é impossível estar onde eles estão sem sentir o descomunal e sólido fedor que emana das salas ao lado.

Nós elegemos essa gente! Nós somos cúmplices. Nós assistimos amortecidos aos intermináveis julgamentos. Nós achamos bonitas expressões como habeas corpus, fórum privilegiado, embargos infringentes, redução de pena por bom comportamento e o direito de ficar calado. Nós achamos pitorescos os gestos histriônicos de um Genuíno e o sorriso debochado de um Zé Dirceu de volta às ruas. Nós achamos graça quando a pizza é enfiada sem lubrificante no forno de nossa complacência. Nós, no máximo, torcemos um pouco o nariz e deixamos pra lá, quando nos é cobrado o rombo travestido como ajuste em alguma variante de um imposto que ninguém entende.

Somos governados por uma corporação criminosa que permanece impune. Vejo a vida passar enquanto se esvai a esperança de que exista nesse país um poder competente e idôneo para acabar com isso.

Anúncios
Explore posts in the same categories: Política, Realidade

Tags: , , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

2 Comentários em “Os criminosos da corporação se abraçam com os criminosos do governo!”

  1. Wagner Says:

    Olha ainda acredito no TCU e na PF, o legislativo é uma piada nestas CPI’S … Ainda vi um comentário de um membro da CPI que a presidente da petrobras deveria ser punida por ter mentido na CPI… Kkk “quem mente pra político tem cem anos de perdão”. … Ditado errado?? Abraço

    • romacof Says:

      Concordo com você, Wagner! O Tribunal de Contas e a Polícia Federal até parecem não ser deste país! Pena que há poderes que se anulam nessa sopa que permite blindagens e imunidades.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: