E afinal, há copa!

Brasil 3 x 1 Croácia

Na outra copa no Brasil eu não tinha dois meses completos, portanto me redimo daquela, mas fica difícil dizer que não tenho minha parcela de culpa nessa! Ou na elaboração ou nos resultados! Sejam eles quais forem! Então o negócio é torcer, não importa pra quem…

Como é difícil torcer pelo Brasil! Primeiro sentei torcendo para ser convencido de que valia a pena torcer! Não fui! Depois torci para que o Marcelo empatasse, num gesto heroico de compensação! Mas isso não aconteceu! Torci para que o goleiro croata defendesse o pênalti que só o japonês viu! Não deu! E quando eu pensava que ia ter que engolir que a malandragem, desta vez a do Fred, é o que impera e resolve os problemas nesse país, fui surpreendido pelo bico do Oscar. Pelo menos o melhor em campo, aos 45 minutos, deixou a vitória menos desconfortável.

Tenho um vizinho argentino que gritou do muro, assim que o jogo acabou: “Ganado, pero robado!” E eu me fiz de Dilma no Itaquerão: fiquei quieto! Vá que o hermano resolva cuspir um repertório de baixarias portenhas pra cima de mim!

Anúncios
Explore posts in the same categories: Fútil-bol, Política, Religião

Tags: , , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

4 Comentários em “E afinal, há copa!”

  1. André Martins Says:

    1) O Marcelo não marcou um gol mas fez algo mais importante: não abaixou a cabeça e jogou bem.
    2) O japonês é fraco, não ladrão, errou para os dois lados.
    3) O croata não puxou o Fred, mas zagueiro não deve segurar atacante adversário que está com a bola dentro da área.
    4) Ganhar de 2 gols de diferença anula o erro do juiz.
    5) Argentino reclamar de roubo em copa é o fim do mundo.
    6) Se você ficou com medo das baixarias do argentino isso pode dizer muito sobre você ou muito sobre ele.

    • romacof Says:

      Seja bem vindo André!
      Acredito que concordamos que Marcelo jogou e se portou muito bem (e nem poderia ser responsabilizado pelo gol contra!). Da mesma forma comungamos a ideia de que o juiz não era ladrão, mas sim fraco. Continuo com o meu ponto de vista de que não houve pênalti. Discordo de você no que se refere ao Fred “com a bola dentro da área”. Aliás, não me recordo se ele tocou na bola durante a partida! Não posso concordar com a sua hipótese de que dois acertos anulam um erro. Um erro causa uma série de eventos que só podem ser remendados (e mal) pelo reconhecimento do erro. Concordo plenamente com você que “Argentino reclamar de roubo em copa é o fim do mundo.” E se você reler a postagem notará uma sutil diferença entre ficar quieto e ficar com medo. Ficar quieto mata uma discussão baixa que não leva a nada. Ficar com medo é o que a Dilma sentiu na abertura da copa, quando ouviu as baixarias dos irmãos de Itaquera (Coisa feia! Confesso que fiquei com vergonha! Mesmo não gostando dela, isso é coisa que não se faz)!
      E voltando ao assunto! A postagem é sobre política e não sobre futebol. É uma crítica à malandragem, ao jeitinho, às coisas que acabam ficando sem explicação. É o gosto amargo do desejo de torcer misturado à indignação por tudo que foi ocultado na elaboração do evento.
      Afinal, um dia o jogo acaba, a festa termina e as visitas vão embora. Nós vamos ter que limpar a casa e pagar a conta.

      Se fecharmos os olhos para essa realidade já perdemos o jogo, mesmo ganhando a copa.

  2. Franci23 Says:

    Então, tentei me convencer a assistir o jogo mas a abertura da Copa me convenceu a não fazelo.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: