Caras Pintadas – edição 2011.

Caras Pintadas!
Há empregados seus roubando!
Prestem atenção!
Não seria mais gratificante trabalhar sabendo que não há alguém nessa má ação?
E o pior!
Nós contratamos essa gente quando eles disseram: “Vote”!
Não nos disseram que depois teríamos que só contar com o a sorte!
Pare e pense.
Passe adiante essa reflexão.
Chega de corrupção!

Vendo têmpera verde e amarela.
Há azuis de todos os tipos em grande promoção.
Vale do Chui ao Oiapoque!
(Pincéis grátis enquanto durar o estoque.)

Hoje (07/09/2011), em 17 estados do país, um movimento popular nascido nas redes sociais da internet se prepara em passeata para mostrar os “Caras Pintadas Contra a Corrupção”. Um grito em verde-amarelo, com o único desejo de mandar um recado para os políticos do país: “Agora Chega!” O mesmo nome do site que a OAB-RS lança hoje. Sobre o mesmo assunto que os incontáveis blogs do país vomitam já há algum tempo. Sobre a notícia velha e batida pela mídia, que só não é chata por que a surpresa nunca termina, graças ao inesgotável poder podre da classe política de não nos deixar esquecê-la, todos os dias, em cada nova chamada sobre as ações do parlamento, ou de um ministério, ou sobre uma sentença inacreditável, ou sobre mais um desvio bilionário.

Esse grito não tem bandeiras ou vínculos com centrais sindicais, partidos ou uniões. Mesmo por que estes “órgãos de representação” estão muito envolvidos com as engrenagens políticas para realmente serem representantes populares. A ausência da CUT estadual é explicada pelo presidente Celso Woyciechowki quando diz: “Não vamos nos somar a um movimento cuja origem é desconhecida. Não há um caráter de transparência. Somos contra a corrupção, mas participamos de movimentos da sociedade organizada, não de manifestações obscuras.” Não gostaríamos de discutir com Celso onde deveria ser aplicada a transparência, não é verdade? Mas concordamos, ou somos obrigados a concordar com ele quando observamos a forma como a classe política trata o povo ou suas manifestações: o povo realmente é um desconhecido, um obscuro e um desorganizado. Só está organizado nas eleições. Quando é útil! Embora nessa hora quem o organize seja a sociedade organizada, e interessada!

Anúncios
Explore posts in the same categories: Poeminhas, Política, Realidade

Tags: , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: